Conecte-se Conosco

Notícias

8 Sintomas físicos que podem ser causados pelo estresse

como reduzir o stress em equipes de ti

Atualmente, o estresse atinge uma grande parcela da população. Os motivos são variados e dependem de cada pessoa, mas podem ser causados por pressão no trabalho, acúmulo de responsabilidades, preocupações, problemas financeiros, crises nas relações interpessoais, mudanças na rotina e coisas do gênero. Passar por situações de estresse é normal, o problema é quando isso se torna uma situação constante, fazendo parte da sua rotina.

O estresse

O estado de estresse é gerado pela percepção de estímulos que causam excitação emocional e perturbam a homeostasia. O corpo então reage a esses momentos de tensão ou ameaça e ficam em alerta, o que desencadeia uma série de reações bioquímicas que levam o organismo a se adaptar a situação, e aumenta a produção e liberação imediata de neurossubstâncias como a adrenalina, noradrenalina e cortisol.

Por isso, é preciso estar atento aos sintomas de estresse a fim de evitar maiores complicações. Lembrando que os sintomas podem variar de acordo com o organismo de cada pessoa. Confira alguns dos sintomas causados pelo estresse.

1 – Dores musculares

O estresse tem forte ligação com as dores musculares, uma vez que ele causa a liberação de hormônios que aumentam a percepção da dor, como é o caso do cortisol. E esses hormônios também causam uma tensão muscular, que podem levar a um quadro de espasmo muscular. Os músculos das costas e do pescoço são os mais sensíveis aos efeitos do estresse.

2 – Tremores

O tremor é uma descarga do sistema nervoso simpático autônomo. A tonicidade dos músculos é automaticamente controlada por ele. O tremor acontece quando há um descontrole dessa regulação. E em diversas situações, o estresse e ansiedade estão relacionados à causa desses tremores.

3 – Fadiga

A fadiga é caracterizada pela sensação de desgaste, cansaço e falta de energia, mesmo depois de atividades simples. E esse sintoma é muito recorrente no dia a dia da população, podendo ter causas diversas, e o estresse é uma delas.

4 – Queda de cabelo

Situações extremas de estresse ocasionam a queda dos fios de cabelo. O estado constante de estresse compromete o sistema circulatório periférico, e afeta a fixação dos fios, além das altas taxas do hormônio cortisol no organismo, que também é um dos fatores relacionados à queda de cabelo.

5 – Falta de ar

A falta de ar é caracterizada como um aperto no peito, dificuldade para respirar profundamente, respiração curta ou um desconforto na respiração. Existem diversas causas para a falta de ar, e situações de estresse constante é uma delas.

6 – Palpitações

As palpitações acontecem quando é possível sentir o próprio batimento cardíaco durante alguns segundos ou minutos. Normalmente, a condição está relacionada à prática de exercícios físicos, mas fora desse contexto, pode estar ligada a problemas de saúde, sendo causada por excesso de estresse.

7 – Insônia

A dificuldade para dormir, ou o ato de acordar no meio da noite e não conseguir mais voltar para o sono, é caracterizado como insônia. A ansiedade libera no organismo adrenalina e impede que o corpo descanse para se recompor física, mental e emocionalmente. Essa condição é um problema grave, e que atinge boa parte da população. E o estresse é uma das principais causas dessa alteração no padrão do sono, e pode causar tanto a insônia aguda como a crônica.

8 – Doenças de pele

O estresse também pode se manifestar em sintomas na pele, causando ou agravando doenças de pele, em um fenômeno chamado de piscodermose. Entres as doenças relacionadas ao estresse estão a dermatite alérgica de contato, caspas, psoríase, vitiligo e sudorese excessiva.

Antes de fazer um diagnóstico é importante consultar um médico, já que a presença isolada desses sintomas não caracteriza um quadro de estresse.

Anúncio

Os Mais Acessados

WhatsApp chat